Notícias

Postado em: 18/04/2018 - 09h52 | Redação

Químicos intensificam sindicalização nas empresas

O Sinicato está lançando uma ampla campanha de conscientização e sindicalização que começará a percorrer as empresas da base.

O objetivo é  conscientizar os trabalhadores da importância do Sindicato e de fortalecer a entidade, ficando sócio.

De acordo com o coordenador geral do Sindicato, Osvaldo Bezerra,  a maioria dos trabalhadores chegam ao Sindicato para se filiar, pensando em usar as colonias de férias. “As colônias são muito boas e o lazer é importante. Porém, neste momento, em que atacam frontalmente nossos direitos e tentam liquidar com os trabalhadores é importante  esclarecer que o Sindicato é muito mais que isso”, diz Bezerra,.

O sindicalista lembra que  as duas convenções – do setor químico e farmacêutico – estão entre as melhores do País,   garantem muito mais direitos do que a CLT (Consolidação das Leis do Trabalho)  e existem graças a luta sindical.  “Nossas convenções, neste momento, são o maior trunfo que temos na mão. Sem elas, estaríamos numa situação muito pior”, explica.

De acordo com um pesquisa do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), realizada no ano passado,  há cerca de 18,4 milhões de sindicalizados no País, que correspondem a 19,5% do contingente de trabalhadores (94 milhões). Dentre os que não são sócios, 26,4% dizem não conhecer o sindicato da sua categoria.  “Vivemos hoje o reflexo dessa desinformação. Nossa estratégia será visitar empresas, discutir os problemas do mundo do trabalho e ampliar o contingente de sindicalizados. Só assim teremos condições de vencer essa batalha”, avalia Bezerra.