Notícias

Voltar
Postado em: 10/04/2018 - 12h36 | Redação

Farmacêuticos assinam acordo que garante 0,93% de ganho real

Sindicalistas e empresários formalizaram hoje (10), o acordo do setor farmacêutico que garante reajuste de 2,5% para todas as faixas salariais  e reajuste de 7,5% na PLR (Participação nos Lucros e Resultados).  

Com o fechamento da inflação em 1,56%, de acordo com o INPC/IBGE, o ganho real para os trabalhaodres foi de 0,93%. É o 15º ano consecutivo que os farmacêuticos garantem ganho real nas negociações salariais.  

Com a conjuntura política e econômica cada vez mais complicada no País, o acordo foi considerado muito bom por dirigentes e trabalhadores que participaram da assembleia. “Os patrões adiaram muito a conversa e chegamos a temer que ela nem acontecesse.  Mas nosso Sindicato é forte e atuante. Endurecemos, mostramos isso aos patrões e conseguimos garantir ganho real”,  avalia Deusdete José das Virgens, o Dedé,  diretor do Sindicato e secretário de Finanças da Fetquim.

Conheça a proposta negociada com patrões

Reajuste

2,5% para salários até R$ 8.511,65

Acima do teto, reajuste fixo de R$ 212,79

Pisos

Reajuste de 2,5%

R$ 1.483,59 (até 100 trabalhadores)

R$ 1.669,84 (acima de 100 trabalhadores)

PLR

Reajuste de 7,5%

R$ R$. 1.695,27 (até 100 trabalhadores)

R$ 2.352,10 (acima de 100 trabalhadores)

Cesta básica

R$ 220 – 9,23% de reajuste (até 100 trabalhadores)

R$ 330 – 10% de reajuste (acima de 100 trabalhadores)